fbpx

Em linha com seu compromisso com práticas agrícolas e industriais sustentáveis e que respeitem o meio ambiente, a Tereos Açúcar & Energia Brasil recebeu esta semana a certificação do RenovaBio das unidades industriais Mandu, em Guaíra (SP), e Severínia, localizada na cidade de mesmo nome no noroeste do estado de São Paulo. Ambas obtiveram a certificação para etanol hidratado e anidro da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Com isso, as usinas podem emitir agora os Créditos de Descarbonização (CBIOs). Os volumes elegíveis ficaram em 98,44% no caso da Mandu e 96,10% na unidade de Severínia.

Em fevereiro, a Tereos certificou suas duas primeiras unidades no programa RenovaBio: Andrade, em Pitangueiras (SP), e Cruz Alta, em Olímpia (SP). Agora, quatro unidades podem emitir os Créditos de Descarbonização (CBIOs).

Segundo Edilberto Bannwart, diretor de Sustentabilidade da empresa, a expectativa em torno do RenovaBio é grande. “O desenvolvimento sustentável está na base do nosso negócio. Por isso, desde o início das discussões acreditamos muito no potencial desse programa como alavanca para um projeto de longo prazo na mitigação das emissões de gases de efeito estufa.” As outras três unidades industriais – São José, Tanabi e Vertente – estão em fase final do processo de certificação.

CBIOs

Cada CBIO equivale a uma tonelada de carbono que deixará de ser lançada na atmosfera. Até 2028, a estimativa é que a matriz de combustíveis no país reduzirá em 10% as suas emissões de carbono.

Os CBIOs significam uma demanda que já está contratada. Isso porque as distribuidoras de biocombustíveis deverão comprar os títulos, de acordo com as metas estabelecidas pelo Programa. Esse número será determinado anualmente, de acordo com a quantidade de combustíveis fósseis vendidos no ano anterior.

Sobre a Tereos

Valorizar as matérias-primas agrícolas para o desenvolvimento de produtos alimentícios de qualidade é a nossa visão. Tereos é uma líder global nos mercados de açúcar, álcool, etanol e amidos. Os compromissos do grupo com a sociedade e com o meio ambiente têm contribuído com a performance da companhia no longo prazo, enquanto reforça nossa atuação responsável. O grupo Tereos reúne 12 mil produtores cooperados e possui com reconhecido know-how no processamento de beterraba, cana-de-açúcar e cereais. Operando 49 unidades industriais e contando com 26.000 colaboradores em 18 países, a Tereos atende seus clientes em seus mercados locais, com uma oferta ampla de produtos. No período de 2018/19, o grupo obteve uma receita de 4,4 bilhões de euros.