fbpx

Curso online estimula empreendedorismo no agronegócio brasileiro

1 de setembro de 2017

Difundir conhecimentos e experiências valiosas de todas fases da jornada de um empreendedor no campo, principalmente em negócios ligados à inovação tecnológica, é o objetivo central do primeiro curso online destinado aos futuros empresários do agro brasileiro. Criado pela AgTech Garage com apoio institucional da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA), a iniciativa, com início previsto para 18 de setembro, terá 10 módulos distribuídos em aulas semanais transmitidas via internet ao longo de três meses. O segundo lote de inscrições promocionais já está à venda e pode ser acessado em

“Trata-se de uma excelente oportunidade para quem vai começar no agronegócio, para aqueles que precisam se reciclar e levar sua empresa a um novo estágio, além dos que já empreendem em outros setores, mas querem conhecer as peculiaridades na atividade agropecuária, incluindo o setor sucroenergético”, observa o diretor Técnico da UNICA, Antonio de Padua Rodrigues.

O Estado de São Paulo, responsável por mais de 55% da produção nacional de cana-de-açúcar (48,22 % de etanol e 63,74% de açúcar) na safra 2015/2016, abriga 37 das 74 empresas de tecnologia recém-criadas no País, com atividades voltadas exclusivamente para o agro. Segundo um levantamento divulgado no início do ano pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ/USP) e a AgTech Garage, 15 destas companhias estão instaladas no AgTech Valley, ou Vale do Piracicaba, um conglomerado de startups para a agricultura, inspirado no Vale do Silício e na Universidade de Stanford (EUA), onde atuam companhias como Facebook, Apple e Google.

Responsável por “salvar a lavoura” do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil nos últimos anos, a agricultura vem atraindo cada vez mais novos empreendedores. Foi pensando em aumentar as chances de sucesso para os que pretendem investir no campo, acreditando que as inovações produzidas por eles podem ter papel relevante na retomada da economia brasileira, que o curso foi idealizado, segundo o CEO e cofundador da AgTech Garage, José Augusto Tomé. “Procuramos reunir um time de primeira grandeza, desde empresários de sucesso, fundos de investimento, acadêmicos e especialistas em questões societárias”, detalha José Augusto.

Resultado da união entre as empresas AgTech Coworking e a AgriPoint no início deste ano, a AgTech Garage funciona como um hub de inovação, com o objetivo de integrar diferentes agentes do ecossistema rural na busca de soluções tecnológicas que aumentem a sustentabilidade e competitividade do agronegócio brasileiro.