fbpx

Dedini, CTC e Esalq desenvolvem plano para etanol

0
11 de outubro de 2007

A Dedini Indústrias de Base, o CTC (Centro de Tecnologia Canavieira) e a Esalq (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz), entre outros parceiros públicos e privados, estão elaborando um projeto para incentivar novas pesquisas para a produção de etanol. De acordo com o chefe geral da Embrapa Agroenergia, Frederico Durões, ouvido pelo Jornal de Piracicaba, o objetivo é criar um Plano Nacional de Pesquisa para o Desenvolvimento do Etanol (PNPDE), nos mesmos moldes do projeto existente para os biocombustíveis.

 

 

De acordo com Durão, o projeto vai incentivar novas pesquisas na produção de etanol que levem ao aumento da competitividade do combustível tanto no mercado interno como no mercado internacional e a idéia é de que o plano seja anunciado até novembro.