fbpx

Desprezada, palha pode dobrar energia

0
6 de setembro de 2005

Milhões de toneladas de uma rica fonte de energia são desperdiçadas ou queimadas todos os anos no Brasil. É a palha da cana-de-açúcar, capaz de dobrar a produção de energia feita a partir do bagaço da planta.


Um projeto do PNUD em parceria com o Ministério da Ciência e Tecnologia e o GEF (Fundo para o Meio Ambiente Mundial) concluiu que o País produz por safra anual mais de 40 milhões de toneladas de palha de cana. Pelo menos metade disso pode ser usada na geração de energia, segundo Luiz Antônio Dias Paes, pesquisador do Centro de Tecnologia Canavieira.

Palha é tudo o que é retirado antes do processo de esmagamento que extrai o caldo da cana (utilizado para produzir o açúcar e o álcool). Isso inclui não somente as folhas secas, mas também as verdes e o “ponteiro” (ponta) da planta. “Em cada tonelada de cana, 14% é palha”, afirma o coordenador do projeto, Suleiman José Hassuani. As informações são do site Ambiente Brasil.