fbpx

Obra discute efeitos do ambiente urbano sobre saúde humana

3 de dezembro de 2010

Com a região metropolitana de São Paulo como pano de fundo, 37 autores renomados exploram questões ligadas à urbanização e colocam a saúde humana no centro do debate sobre o meio ambiente nas grandes cidades, no livro Meio Ambiente e Saúde: o Desafio das Metrópoles. A obra de 200 páginas e 10 capítulos tem entre seus autores o consultor para emissões e tecnologia da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA), Alfred Szwarc.

“A obra foca nas principais questões que afetam a vida da população nas metrópoles, como planejamento urbano, mobilidade, geração de resíduos e uso das águas. As análises tratam das metrópoles como um órgão vivo, que necessita de cuidados para permanecer saudável,” observou Szwarc durante o lançamento da publicação (23/11) na Livraria Cultura do Shopping Villa Lobos, em São Paulo.

O consultor da UNICA acredita que o livro será um importante instrumento de consulta, principalmente para pesquisadores e estudantes. “Este material suscitará discussões em diversos setores da sociedade, o que poderá contribuir para ações efetivas que melhorem a qualidade de vida nos grandes centros urbanos,” analisa.

O secretário Municipal do Verde e Meio Ambiente de São Paulo, Eduardo Jorge, que prefaciou o livro, também acompanhou o lançamento. Os cerca de 150 convidados assistiram à palestra “O homem e a questão ambiental: vilão ou vítima?” do professor titular de Patologia da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), Paulo Saldiva, que coordenou a obra ao lado de Evangelina Pacheco de Araujo Vormittag, diretora presidente do Instituto Saúde e Sustentabilidade. A apresentação retratou o ser humano como algo esquecido na questão ambiental.

A obra Meio Ambiente e Saúde: o Desafio das Metrópoles é uma ação do Projeto Observatório de Sustentabilidade Urbana para Megalópole São Paulo – Foco em Saúde, é uma iniciativa do Instituto Saúde e Sustentabilidade (ISS), entidade que prevê a criação de um centro de documentação de dados em saúde e sustentabilidade da cidade de São Paulo. Por meio da edição do novo livro e da criação de um banco de dados eletrônico, o projeto pretende criar conceitos e disseminar conhecimentos para a população sobre a sustentabilidade urbana e a saúde. Fundado em 2008, o ISS é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP), cuja principal finalidade é promover a saúde por meio de projetos em parcerias com órgãos do governo, sociedade civil, terceiro setor, empresas privadas e instituições de ensino.

Serviço

O livro está à venda através do site do ISS POR R$ 45,00, já incluindo a taxa de entrega.