fbpx

Projeto AGORA: mais de 2 mil inscrições para Desafio

10 de setembro de 2009

Mais de 2000 escolas de sete estados e do Distrito Federal já se inscreveram para o “Desafio Mudanças Climáticas” até esta quinta-feira (10/09). As inscrições foram prorrogadas até o dia 18 de setembro de 2009,  para compensar o período em que as escolas ficaram sem aulas em julho, devido à epidemia de gripe provocada pelo vírus H1N1. Assim, as escolas do ensino fundamental ainda podem participar por meio do site oficial www.desafiomudancasclimaticas.com.br.

O “Desafio Mudanças Climáticas” é uma campanha de cunho educacional, que visa informar professores e estudantes sobre as causas do aquecimento global e formas para combater as mudanças climáticas, incluindo-se o papel das energias renováveis. Trata-se de uma iniciativa do Projeto AGORA, que reúne empresas e entidades ligadas à produção de agroenergias renováveis em um projeto integrado de comunicação e marketing.

Com material didático produzido pela Editora Horizonte e já distribuído nos estados participantes, a ação é voltada aos alunos do ensino fundamental e inclui apoio aos professores para o desenvolvimento de aulas sobre o tema, além do estímulo à participação dos alunos. O intuito é atingir mais de 12 mil escolas, 47 mil professores e cerca de 2,3 milhões de alunos de oitavo e nono anos.

O kit didático já distribuído aos professores inclui um caderno de orientação ao professor com 52 páginas, quatro pôsteres e um DVD com três filmes sobre o tema Mudanças Climáticas. O projeto inclui um concurso com premiações específicas para alunos e professores de cada estado, e conta com o apoio das secretarias estaduais de educação nos estados da Bahia, Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, São Paulo e no Distrito Federal (DF). No total, os 80 melhores trabalhos serão reconhecidos em um evento a ser realizado em São Paulo.

Projeto Agora

Uma das principais iniciativas de comunicação institucional já implantadas no Brasil, o Projeto AGORA pretende estimular a discussão sobre energias renováveis geradas a partir da cana-de-açúcar e de outras matérias-primas agrícolas. Participam os sindicatos estaduais dos produtores de açúcar e etanol de Goiás, Minas Gerais, Paraná, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul e as empresas Itaú-Unibanco, Monsanto, Basf, Dedini e SEW Eurodrive.

Voltado para a área educacional, o Desafio é uma das iniciativas do conjunto de ações que compõem o Projeto AGORA. Outras iniciativas incluem o desenvolvimento de um diálogo construtivo junto aos legislativos estaduais e federal, e prestar esclarecimentos aos consumidores e à opinião pública, todas em andamento e com conclusão prevista até o final de 2009.