A temática da modernização das Normas Regulamentadoras (NR) sob o ponto de vista das máquinas agrícolas e do trabalho rural foi levantada por Elimara Aparecida Assad Sallum, consultora para assuntos sindicais e trabalhistas da União da Indústria de Cana de Açúcar (UNICA), no Encontro Nacional de Ergonomia e Segurança do Trabalho no Agronegócio (ENESTA).

Na ocasião, a especialista apresentou sugestões de alteração da NR 31 e participou de debate com Fernando Gallego Dias, da Secretaria do Trabalho do Ministério da Economia, e Antônio Carlos Avancini, do Grupo Estadual de Fiscalização Rural de São Paulo.

“O Governo está proporcionando uma oportunidade de revisão das normas regulamentadoras com o objetivo de harmonizar, desburocratizar e simplificar, preservando a segurança dos trabalhadores e oferecendo segurança jurídica aos empregadores”, comenta Sallum.

O ENESTA ocorreu nos dias 7 e 8 de outubro no Centro de Convenções da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). O evento, que reuniu especialistas da indústria, governo e academia, foi realizado pelo Laboratório de Ergonomia da FEAGRI/ UNICAMP, em parceria com a Tekter Consultoria, com o objetivo de debater questões atuais nas áreas de engenharia, segurança no trabalho, ergonomia e assuntos regulatórios.